Vale a pena suplementar com albumina?

Boa parte das pessoas que pratica exercícios físicos em busca da boa forma possui algumas dúvidas sobre o uso de suplementos, ainda mais com a grande variedade disponível hoje no mercado. Com diversos rótulos, dosagens e compostos, esses produtos acabam se descaracterizando. Mas se o seu objetivo é ganhar massa muscular e manter os resultados que conquistou com disciplina e dedicação, a albumina pode ser o suplemento certo para você. E para falar mais sobre e te provar que ela pode ser o que você precisa, o post de hoje trará algumas informações para você analisar se realmente vale a pena o uso de suplementos com albumina. Acompanhe a seguir!

O que é a albumina?

O fígado produz uma proteína essencial para o funcionamento do corpo que tem como função principal transportar substâncias pela corrente sanguínea para dentro e fora dos tecidos. Essa proteína tem o nome de albumina, e sua missão no organismo é equilibrar os níveis de água entre o sangue e os tecidos.

Encontrada também na clara de ovo — local determinante para a criação do suplemento de albumina —, essa substância visa dar ao corpo a quantidade ideal da proteína que ele não está conseguindo produzir por si só para acompanhar o aumento de massa muscular.

Benefícios da albumina

Utilizar a albumina na suplementação pode trazer diversos benefícios para quem deseja a hipertrofia, mas o maior deles é sua ação na reparação muscular. A substância age no organismo repondo proteínas que foram perdidas devido ao desgaste dos treinos, aumentando a resistência corpórea e fazendo com que ocorram menos lesões.

Para quem deseja perder peso, a albumina é digerida em um processo mais lento pelo organismo, fazendo com que haja um aumento de saciedade e redução da vontade de comer.

Ingerir o suplemento de albumina após os treinos ainda ajuda a amenizar os sintomas da prática de exercícios como fadiga, cansaço e dores musculares, tornando o processo muito mais proveitoso.

A albumina também pode ser utilizada em quadros médicos em que o paciente não é saudável e possui alguma doença específica. Para quem possui problemas de coagulação e tem dificuldade na cicatrização, por exemplo, tomar a albumina como suplemento pode trazer uma melhora no quadro. Pacientes que sofrem com algum tipo de doença hepática também podem encontrar na suplementação de albumina uma forma de melhorar as funções do fígado, já que o organismo terá uma reposição da proteína que está em baixa.

Malefícios da albumina

Assim como qualquer suplemento, a albumina, apesar de ser produzida a partir de substâncias naturais, deve ser consumida com precaução e na quantidade determinada por um nutricionista.

Em casos do qual a substância é tomada sem cuidados, o usuário pode apresentar problemas como alergias e doenças renais devido ao acúmulo de sódio no sangue, hipertensão, gases, problemas gastrointestinais e ganho de peso.

Como saber se a albumina é o suplemento ideal

Para tirar o máximo proveito do suplemento de albumina e saber se é a substância ideal para o seu tipo de necessidade, o ideal é consultar um nutricionista. Apenas o profissional poderá avaliar a real importância de utilização de suplementos e a quantidade adequada para consumo. Tomar suplementos por conta própria pode ocasionar em problemas de saúde e acabar prejudicando seus treinos. Por isso, procure sempre a ajuda de um profissional.

Consultar um nutricionista garantirá que você possa consumir a quantidade adequada de albumina, transformando-a em um grande aliado do seu treino. Você já faz uso de algum suplemento? Tem alguma dúvida sobre a albumina? Utilize os comentários para nos contar, mas não se esqueça de pedir orientação profissional, sempre que necessário!