Treino ou dieta: o que é mais importante?

A preocupação com a saúde é cada vez mais uma realidade entre as pessoas que desejam ter mais qualidade de vida, mais disposição e mais resistência física. Quanto à questão estética, a busca pelo corpo perfeito também desempenha papel importante nos hábitos de quem busca uma vida saudável. Embora seja de conhecimento que a equação que soma treino e dieta resulta em um corpo mais saudável, muita gente não sabe qual é o fator mais importante. Se esse é o seu caso, conheça se é o treino ou a dieta o fator mais importante para uma vida saudável e um corpo perfeito no post que preparamos hoje para você!

A importância do treino

O treino é responsável por garantir que você possua melhores resultados na eliminação de gordura e construção de massa magra. Além disso, os efeitos dos treinos fazem com que seu metabolismo fique mais acelerado, já que quanto mais músculos há no corpo, maior é o gasto calórico.

O fortalecimento e a definição muscular também acontecem graças ao treino regular, assim como a perda de algumas medidas e o maior desenvolvimento de músculos, no caso da hipertrofia.

A importância da dieta

Já a dieta é responsável por fornecer tudo aquilo que o corpo precisa para poder resistir ao treino e dele se regenerar. Além disso, a ingestão calórica também é importante para quem deseja emagrecer, já que menos calorias associadas a exercícios significam mais gordura queimada. Já para quem deseja a hipertrofia, o consumo calórico correto permite que exista a construção necessária para a formação dos músculos.

A dieta também influencia diretamente em indicadores como níveis de colesterol e de triglicerídeos, além de ajudar a prevenir doenças como osteoporose outras cardiovasculares. Tudo isso ganha ainda mais efeito quando aliado aos treinos.

Treino e dieta devem andar juntos

Devido às suas diferentes atuações, treino e dieta funcionam melhor quando são feitos em conjunto, ou seja, quando se alia uma dieta balanceada ou mais saudável com a prática regular de atividades físicas.

De modo geral, os melhores resultados são conseguidos por quem faz uma reeducação alimentar, ou uma adaptação da dieta para os objetivos, e pratica atividades físicas de 4 a 5 vezes na semana, garantindo que o corpo se mantenha sempre ativo e saudável.

Qual é o mais importante: treino ou dieta?

Embora devam ser feitos de maneira concomitante, a dieta possui uma importância relativamente maior do que o treino, já que ela é responsável por cerca de 70% de todos os resultados obtidos. Além disso, a dieta exige uma dedicação muito maior do que o treino: enquanto os treinos requerem algumas horas na semana, a dieta precisa ser controlada em todos os momentos do dia, todos os dias.

Com isso, de nada adianta gastar horas na academia se a alimentação for desregulada e não fornecer exatamente aquilo do que o corpo precisa. Uma dieta ajustada corretamente, inclusive, permite que os treinos sejam mais rápidos e forneçam os mesmos resultados, evitando a necessidade de passar horas suando na academia para não ver quase ou nenhum resultado.

Controlar a alimentação, entretanto, não significa ficar sem comer, já que isso também não fornecerá o que o corpo precisa. Ao não se alimentar direito, o corpo não consegue recuperar das microlesões causadas nos músculos através dos treinos, e com isso, os resultados acabam não aparecendo. Ainda mais perigoso do que isso está o fato de que não se alimentar e treinar pesado pode levar a quadros de exaustão, desmaio e até mesmo consequências mais graves.

Com isso, treino e dieta são muito importantes na busca do corpo perfeito ou de uma vida mais saudável, mas é a dieta quem desempenha o papel principal, sendo responsável por mais da metade de todos os resultados atingidos. Por isso, é preciso desenvolver uma dieta adequada aos objetivos e segui-la adequadamente para que seja possível ver os resultados desejados. Assine nossa newsletter para ficar por dentro das nossas atualizações do mundo fitness!