Serotonina e Dopamina: atividade física traz felicidade?

Se você acha difícil inserir em sua rotina um pouco de atividade física e quer mais motivação para isso, esse post é ideal para você!

Saiba que não é necessário muito tempo, já que meia hora três vezes por semana já é suficiente para que o sistema nervoso libere na corrente sanguínea algumas substâncias como a serotonina e a dopamina, as quais trazem benefícios e bem-estar para seu corpo. Confira o post e descubra mais!

Serotonina

A serotonina é um neurotransmissor produzido no tronco encefálico, que desempenha um papel muito importante em nosso sistema nervoso, sendo responsável pelo estado de vigília do nosso corpo, por exemplo.

Dessa forma, em relação ao sono, ela atua de duas maneiras: ela regula o primeiro estágio e depois disso, na fase do sono REM (mais profundo, onde ocorrem os sonhos) ela deve estar inibida.

Além disso, outro benefício dessa substância é trazer o bem-estar. Quando há uma redução do nível de serotonina, o corpo possui uma menor capacidade de resistência à agressividade, trazendo ansiedade e comportamento compulsivo. Nessa hora é que vem aquela vontade de ingerir açúcar incontrolável.

Em relação à depressão, o que acontece é a falta de serotonina no nosso corpo e sua transmissão não está tão efetiva quanto deveria ser.

Os remédios indicados para a depressão agem de forma a impedir a degradação dela e não aumentam seus níveis, resultando na melhora de humor, diminuição da ansiedade a irritabilidade. Nesse contexto, a prática de exercício se faz fundamental, pois com ela haverá mais serotonina disponível no corpo.

Atualmente, a serotonina também é considerada uma forte aliada ao tratamento de enxaquecas, já que ela é uma importante reguladora das vias sensoriais do nosso corpo, incluindo a via dolorosa.

Os remédios, assim como no caso da depressão, também influenciam nos receptores da serotonina, diminuindo sua receptação e deixando-a mais disponível. Essa disponibilidade fará com que a disposição da pessoa aumente e as dores sejam aliviadas.

Dopamina

Outra substância que também é responsável pelo bem-estar e pode ser liberada durante e depois da prática de exercícios físicos é a dopamina, sendo ela um neurotransmissor responsável, por exemplo, por controlar a memória, humor, a cognição, o aprendizado e alguns dos nossos movimentos.

Alguns comportamentos podem indicar que o seu corpo não está produzindo a quantidade adequada de dopamina, e são eles: problemas de sono, se sentir desmotivado; falta de concentração na maior parte do tempo, falhas de memória, esquecimento de coisas menores, agressividade ou ficar sempre na defensiva, não sentir prazer em quase nada e baixa na libido.

Se você se identificou com os sintomas acima, está na hora de fazer seu corpo produzir mais dopamina, e isso de forma natural, através da atividade física.

A dopamina é feita a partir do aminoácido tirosina, por isso alguns alimentos que contém tirosina ajudarão, como banana, melancia, amêndoas, cacau, beterraba, feijão, farinha de aveia, gergelim, abacate, vegetais de folhas verdes, qualquer produto de origem animal, entre outros.

Agora que você já sabe que as atividades físicas liberam no organismo os hormônios serotonina e dopamina, importantíssimos para seu bem-estar, comece agora mesmo a praticar e também desfrute desses benefícios!

Gostou do nosso post? Assine nossa newsletter e receba nossas atualizações com mais assuntos incríveis.