6 exercicios físicos para realizar na gravidez sem arriscar a saúde

6 exercícios físicos para realizar na gravidez sem arriscar a saúde

A gravidez é uma fase especial e de novas descobertas para todas as mulheres. É tempo de cuidar ainda mais da saúde, já que as futuras mamães já são responsáveis, desde agora, por uma nova vida que está em desenvolvimento. Como a saúde está diretamente ligada aos exercícios físicos, é preciso também praticá-los, mas com cautela para que a atividade não prejudique o bebê.

Os benefícios de exercícios na gravidez são inúmeros, incluindo a prevenção de diabetes gestacional, alívio do estresse e controle do peso. Para te ajudar a escolher quais exercícios fazer, listamos abaixo 6 atividades que podem ser praticadas pelas grávidas e que não oferecem risco para o bebê. Acompanhe!

1. Caminhada

A caminhada é um dos exercícios mais completos e não exige muito do corpo, já que cada um pode andar no seu ritmo. Ela é ideal para as mulheres que eram sedentárias antes de engravidar, mas agora preocupam-se em fazer alguma atividade durante a gestação.

Escolha roupas leves e procure se exercitar em um horário com temperatura amena, como de manhã ou ao entardecer. Não se esqueça de tomar bastante água antes e depois da caminhada.

2. Hidroginástica

Conhecida por ser um exercício de baixo impacto, a hidroginástica é muito indicada para as gestantes, pois trabalha todos os músculos do corpo, fortalecendo-os e ajudando no aumento do condicionamento físico. Também pode ser feita por mulheres que antes de engravidar não costumavam fazer exercícios físicos.

3. Corrida leve

Apesar de ser um esporte intenso, a corrida pode ser praticada por mulheres grávidas se este já for um hábito comum em seu dia a dia. Porém, a intensidade do treino de corrida e o tempo devem ser ajustados conforme orientação médica e de um personal trainer de confiança.

4. Pilates

O pilates é um dos exercícios mais indicados para as grávidas já que, além de fortalecer os músculos, traz também um fortalecimento na área pélvica (importante para o parto normal), melhora a postura — que tende a ficar mais curvada com o passar dos meses de gestação — e ainda trabalha exercícios de respiração.

Porém, o pilates não é considerado um exercício leve, portanto, é indicado para mulheres que já praticam alguma atividade física.

5. Ioga

A prática da ioga é muito indicada em qualquer momento da vida, já que ela ajuda a melhorar a respiração, a ter consciência corporal e também auxilia no alongamento e no aumento da flexibilidade, ideal para as grávidas. A ioga é, ainda, considerada de baixo impacto e garante melhoras na ansiedade e no estresse.

6. Musculação

Sim, gestantes podem praticar musculação sem qualquer receio, desde que seja auxiliada por um profissional para que os pesos e intensidade dos exercícios sejam ajustados. A atividade fortalece a musculatura e ajuda na reeducação postural. Antes de realizar essa atividade, é preciso perguntar ao ginecologista se esse tipo de exercício está liberado.

Os exercícios na gravidez são muito importantes para garantir a saúde da mãe e do bebê. Não somente pelo controle do peso, mas também para prevenir doenças, melhorar a autoestima, afastar o estresse e reduzir a ansiedade, que costuma aumentar nesse momento da vida. Apenas lembre-se que todas as atividades devem ser ajustadas para você por um profissional da área.

Agora que você já sabe que pode praticar exercícios na gravidez, que tal ver qual é a alimentação adequada para reduzir os enjoos nessa fase?