4 alimentos ricos em sódio e que você não sabia!

Qualidade de vida é uma das expressões mais usadas nos últimos tempos. Nunca se falou tanto em hábitos saudáveis e nunca se desejou tanto alcançar metas para atingir o objetivo de ter corpo e mente saudável. Hoje, com  o bombardeio de informações, as pessoas  estão se preocupando mais com a saúde, bem estar e aparência física. Essa chuva de informações também é responsável por criar alguns mitos e ajudar na propagação de informações nem sempre muito corretas. 

Diferente do que muitos pensam, o sódio é um item importante para a nossa alimentação e, quando ingerido na medida recomendada, pode trazer benefícios, como o controle das funções vitais e o bom funcionamento do cérebro.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde, a quantidade diária recomendada é de 5 g de sal por dia, o que equivale a 1 colher de chá ou 2,4 g de sódio. Porém os brasileiros têm consumido, em média,  cerca de 12 g por dia.

Muitas pessoas em processo de reeducação alimentar fazem mudanças na alimentação, e, muitas vezes, sem a orientação de um nutricionista ou endocrinologista e acabam incluindo em suas dietas produtos que são considerados vilões por serem ricos em sódio.

Listamos 4 alimentos que aparentemente são inofensivos, mas escondem grande concentração de sódio em suas composições. Vamos conferir?

1 – Peito de frango

O peito de frango, tão usado nas dietas, parece inofensivo, mas pode ser vilão. Um pouco mais de 100 g dele pode conter até 300 mg de sódio. Isso acontece porque é inserido água salgada no alimento, com o objetivo de deixá-lo mais saboroso.

2 – Sopa de envelope 

A sopa, muitas vezes, é usada para substituir uma refeição. O objetivo é a ingestão de menos calorias, mas nem sempre ingerir menos é a opção mais correta.

Sopas industrializadas escondem grandes quantidades de sódio, além de serem ricas em corantes e aromatizantes artificiais. Um pacote de 300 ml possui cerca de 1000 mg de sódio em sua composição.

Uma sugestão é fazer a própria sopa, usando temperos e ingredientes naturais e frescos.

3 – Biscoito de água e sal

Como o nome já sugere, é um biscoito feito à base de sal e, consequentemente, está na lista dos alimentos ricos em sódio.

Muitas pessoas têm substituído o pão francês por biscoitos de água e sal, o que na verdade é uma ilusão, pois esses biscoitos também podem influenciar no ganho de peso já que a sensação de saciedade ao consumi-los é menor, o que induz a comer muitos deles.

Lembrando que uma porção de 6 biscoitinhos possui cerca de 300 mg de sódio.

4 – Queijo parmesão

Aquele queijo que muitas vezes é incluído em saladas e em sopas caseiras esconde altas doses de sódio. Uma pequena porção de 30 mg de queijo parmesão pode conter cerca de 500 mg de sódio.

Uma sugestão é substituir os queijos amarelos por brancos, eles possuem menos sódio em suas composições.

Alimentos em conserva, molhos e temperos prontos, alimentos congelados e embutidos são extremamente ricos em sódio e podem trazer malefícios à saúde, como retenção de líquido, aumento da pressão arterial e, consequentemente, aumento dos riscos de AVC e infarto, além de disfunções renais e câncer gástrico.

É muito importante que as pessoas criem o hábito de ler rótulos e informações nutricionais, essa atitude ajuda a entender melhor o que realmente compõe um alimento e pode evitar que você se engane.

Escolha alimentos ricos em nutrientes e esteja sempre atento aos suplementos vitamínicos, desse modo, sua nova rotina alimentar será sinônimo de qualidade de vida.  

Ainda falando sobre dieta, algumas pessoas consideram os carboidratos vilões, e será que são mesmo? Mas esse já é assunto para outro post! Aqui a gente esclarece essa questão.